» Notícia » Deputados que aprovaram PL sobre Fisioterapeutas 24 horas nas UTIs enviam mensagens em apoio aos profissionais e reforçam importância da assistência integral e ininterrupta

No dia 4 de junho, a Câmara dos Deputados aprovou o  Projeto de Lei 1985/19,  que torna obrigatória a presença de fisioterapeutas, em tempo integral, em Centros de Terapia Intensiva (CTIs). O COFFITO agradece a todos os parlamentares que aprovaram essa medida, que entenderam a importância do trabalho realizado pelos fisioterapeutas e conseguiram levar essa discussão ao Senado. A integralidade e a assistência ininterrupta geram benefícios que se estendem à população e à saúde pública.

Preste atenção!

O projeto deve tramitar no Senado nesta semana. Fique atento, fale com o senador da sua região e defenda essa medida.

 

Veja abaixo as manifestações!

 

“APROVADO ▪️ Fisioterapeutas em tempo integral em CTI ▪️

Aprovamos agora há́ pouco nosso projeto de lei que regulamenta presença de fisioterapeutas em CTIs. A matéria prevê̂ que esses profissionais atuem de forma ininterrupta, nos turnos matutino, vespertino e noturno, perfazendo um total de 24 horas. A medida vale para CTIs adulto, pediátrico e neonatal, tanto nos hospitais e clínicas públicas quanto nos estabelecimentos privados.

Diante da pandemia, essa situação encontra-se ainda mais necessária já́ que são esses profissionais que possuem a expertise para lidar com as intercorrências que a doença apresenta no sistema respiratório dos pacientes.

Lembramos, também, que a presença de um fisioterapeuta intensivista reduz sensivelmente a permanência dos pacientes nos CTIS, bem como contribui para a qualidade dessa permanência. Agradeço imensamente aos líderes da Casa pela articulação junto à Bancada Feminina e à relatora, Deputada Aline Sleutjes, pelas contribuições para a aprovação desta importante matéria.”

Deputada Margarete Coelho

 

“A Câmara segue trabalhando para minimizar os impactos da pandemia de coronavírus no Brasil. Hoje aprovamos uma importante matéria que obriga a presença de fisioterapeutas em Centros de Terapia Intensiva (CTIs) adulto, pediátrico e neonatal. Inúmeros estudos realizados demonstram que a presença do fisioterapeuta nos CTIs, em regime integral, é crucial para reduzir o tempo de ventilação mecânica e a permanência do paciente na internação hospitalar. Agora, o texto segue para ser votado no Senado!”

Deputada Alice Portugal

 

“Vitória dos fisioterapeutas! Hoje aprovamos o Projeto de Lei 1985/2019, que prevê a obrigatoriedade de fisioterapeutas nas Unidades de Tratamento Intensivo. Essa é uma reivindicação antiga da categoria, ainda mais justa nesse período de pandemia, quando a Fisioterapia é fundamental na recuperação dos pacientes. Também reafirmo um compromisso com esses profissionais: o pleito do piso nacional dos fisioterapeutas conta com o nosso apoio e a nossa luta na Câmara dos Deputados.”

Deputado Hugo Motta

 

“A presença do fisioterapeuta para o restabelecimento das pessoas

internadas, de maneira constante, da forma como é garantida pelo projeto, é

essencial, pois a medida irá reduzir o número de dias de internação, ainda mais

nessa época de Covid-19, em que é preciso garantir uma assistência integral ao paciente.

Dessa forma, quero parabenizar pelo projeto aprovado e me colocar à

disposição para juntos defendermos os pleitos da categoria no Congresso Nacional.”

Deputado Hiran Gonçalves

 

“Acabamos de aprovar o PL 1985/19 que torna obrigatória a presença de fisioterapeuta nas UTIs. A presença desses profissionais é fundamental para uma rápida e plena recuperação dos pacientes! Marque aqui seu amigo ou sua amiga fisioterapeuta. Vamos em frente!”

Deputado Eduardo Braide

 

 

  • seta ir para o topo